8 coisas sobre o período menstrual que provavelmente nem imaginas!

pub

A maioria das mulheres sabe que mais ou menos a cada 28 dias vai ter o seu período menstrual. As cólicas, o facto de ter que usar absorventes e as alterações bruscas de humor, entre outras, são algumas das coisas que elas precisam suportar durante 3 a 6 dias.

Apesar disso, trata-se de um processo biológico e hormonal do qual dependem muitos aspectos da saúde física e emocional.

A seguir iremos partilhar 8 curiosidades para que as tenhas em mente a partir de hoje.

1. O que acontece durante o período menstrual

O ciclo menstrual está desenhado para a reprodução feminina. Mais ou menos durante a metade dele ocorre a ovulação, um processo através do qual os ovários libertam um óvulo, que pode ou não ser fecundado.

Ao mesmo tempo, o organismo aumenta a produção de um hormônio chamado progesterona, o qual engrossa o revestimento do útero. Desta forma, ele fica pronto para implantar o possível óvulo fertilizado.

No entanto, como a fecundação não ocorreu durante o mês, os níveis de progesterona alteram-se e a partir de então ocorre o sangramento comum da menstruação.

2. O fluxo pode mudar devido a tratamentos hormonais contraceptivos

Os tratamentos hormonais contraceptivos podem fazer com que o período menstrual varie na mulher. A pílula, o anel vaginal e os implantes indicam ao corpo que ele não precisa produzir mais progesterona, o que faz com que o fluxo da menstruação seja mais leve.

De fato, é normal que, de forma ocasional, não ocorram sangramentos ou que sejam bastante reduzidos.

3. É possível engravidar durante a menstruação

im1

Isso é algo que deves saber. Ainda que as chances sejam muito pequenas, está provado que existe a possibilidade de engravidar durante a menstruação.

Durante o período menstrual os ovários preparam um novo óvulo para o ciclo seguinte, mas ele não é liberado até cerca de 15 dias depois. No entanto, nem todas as mulheres têm o mesmo ciclo, e algumas podem ovular antes de ter terminado a menstruação.

Portanto, manter relações sexuais durante o período menstrual sem proteção deixa uma possibilidade de gravidez.

4. Uma menstruação normal libera menos do que uma chávena de sangue

Em cada mulher o sangramento é diferente dependendo dos factores hormonais e do estilo de vida. No entanto, a nível geral estima-se que sejam perdidos cerca de 100 ml de sangue, ou seja, uma pequena chávena de café.

Esta quantidade pode aumentar um pouco mais se considerarmos que também são expulsos o tecido endometrial e outros fluídos vaginais.

5. Cuidado com a síndrome do choque tóxico

im3

Embora seja uma doença pouco comum, é fundamental que todas as mulheres troquem os seus absorventes internos ou externos várias vezes ao dia para evitar a proliferação de bactérias que causam a síndrome do choque tóxico.

Esta doença é bastante grave e, de facto, já foi a causa da morte de muitas mulheres.

6. A tensão pré-menstrual (TPM) é muito comum

A tensão pré-menstrual é uma realidade e calcula-se que 90% das mulheres sofram com ela pelo menos uma vez nas suas vidas.

 Ela é caracterizada por alterações fortes no humor, surgimento de acne e constantes dores de cabeça. Além disso, também aumenta a inflamação abdominal e a sensação de fadiga.

Estes sintomas, obviamente, ocorrem poucos dias antes ou durante o período menstrual. Senti-los em outras datas pode ser um sinal de outras condições de saúde.

7. Quase qualquer doença pode interferir no ciclo menstrual

As doenças que afetam a saúde também interferem na regularidade do período menstrual. O cancro, os transtornos do coração e os problemas na tiroide são alguns dos que causam este tipo de reação.

8. O fluxo contém células-tronco

im2

Vários estudos confirmaram que o sangue que é eliminado durante estes dias contém células-tronco que servem para reparar vários tipos de tecidos distintos. Entre eles se destacam:

  • O tecido nervoso

  • O tecido hepático

  • O pâncreas

  • O tecido ósseo

  • O tecido adiposo

Partilha com as tuas amigas:

Relacionados:

Comentários: