Leitura obrigatória para todas as mulheres. Vai dar-te que pensar!

pub

Querida filha, Recentemente eu e a tua mãe andamos à procura de uma resposta no Google. A meio de escrevermos a pergunta o Google mostrou algumas opções para completar a pergunta. A sugestão que aparecia no topo era ‘COMO MANTÊ-LO INTERESSADO?’ Chamou-me a atenção, então decidi ler alguns artigos sobre o assunto. Como ser sexy? Como o agradar? Quando lhe levar uma cerveja ou uns petiscos? E até algumas formas de o fazer sentir mais inteligente e superior. Tudo isto irritou-me profundamente.

carta-mulheres

Nunca foi, não é, nem nunca será uma tarefa tua ‘mantê-lo interessado’. A tua única tarefa é teres profunda certeza de que tu és muito interessante e especial. Se tiveres confiança de que és interessante, vais ser sempre atraente, a partir daí só precisas de estar com alguém que seja capaz de ter interesse e que queira investir a vida dele em descobrir o quão interessante e especial tu consegues ser. Por isso querida, vou-te falar do tipo de rapaz que não precisa de que tenhas o cuidado de o manter interessado, porque ele sabe no seu âmago que tu és interessante: Não me importo se ele coloque os cotovelos em cima da mesa de jantar, desde que ele coloque também os olhos no jeito como o teu nariz fica com um formato lindo quando sorris e não consiga mais tirar de lá os olhos. Não me importo que ele não saiba jogar golfe e que nunca será uma companhia para mim, desde que ele saiba brincar com as crianças que tu lhe dês e veja nelas tudo aquilo de bom e de mau que elas têm de ti.

Não me importo que ele não seja cuidadoso com a sua carteira, desde que seja cuidadoso com o teu coração e tenha o cuidado de o manter sempre cheio de felicidade. Não me importo que ele não se preocupe em votar, desde que ele se preocupe em todos os dias ao acordar te escolher como a mulher que lhe enche o coração. Não me importo com a cor da pele dele, desde que ele pinte as vossas vidas com pinceladas de generosidade e ternura a cada dia. Não me importo se ele é desta ou daquela religião, desde que ele te veja como algo sagrado na sua vida e saiba guardar religiosamente cada momento das vossas vidas no seu coração. E no final, se algum dia tiveres de escolher um homem que não tenha nada em comum comigo, nós teremos sempre o mais importante em comum: TU! Porque no final, minha querida filha, a única coisa que precisas de fazer para “o manter interessado”, é seres tu própria. Do eternamente interessado em ti, O teu pai.”

Partilha com as tuas amigas nas redes sociais!
Partilha com as tuas amigas:

Outras Dicas:

Comentários: