Aprende a fazer esta deliciosa maionese caseira sem ovos e sem leite

pub

Ela possui cor branca e serve para acompanhar pratos como saladas, carnes e massas, além de ser uma das preferidas para dar um toque no sabor de lanches como sandes, pasteis, pizzas, hamburgers, entre outros. Se pensaste na maionese, acertaste. Hoje vamos ensinar te uma deliciosa e saudável receita de maionese. E não duvides: a receita é saudável, mesmo! Trata-se da maionese caseira sem ovos e sem leite.

aprenda-a-fazer-maionese-caseira-sem-ovos-e-sem-leite

Sobretudo pessoas intolerantes à lactose, são as que se devem manter longe da tradicional maionese feita à base de leite. Este molho é também contra indicado para indivíduos que estejam nalguma dieta de redução de peso. Para as pessoas do primeiro grupo, os alérgicos, o consumo da maionese com lactose pode provocar diarreia, vómito, dores abdominais, entre outras complicações de ordem digestiva.

Assim, é necessário descobrir alternativas que não privem a pessoa intolerante à lactose de degustar o delicioso sabor da maionese, mas que, por outro lado, também não vá parar ao hospital por intoxicação decorrente da lactose.

Confere a seguir a receita da maionese caseira sem ovos e sem leite:

Receita de maionese livre de lactose

Ingredientes:

  • 2 colheres de sopa de sumo de limão;
  • 1 colher de sopa de azeitonas picadas;
  • 1/4 de cebola picada;
  • 1 chávena de leite de soja gelado;
  • 1 dente de alho picado;
  • Óleo de milho;
  • Sal a gosto.

Modo de Preparação:

  • No liquidificador, coloca a cebola, o alho, a azeitona, o sal e o leite de soja.
  • Em seguida, enquanto estiveres a bater a mistura, acrescenta o óleo de milho.
  • Desliga o liquidificador apenas quando notares que a mistura da maionese já está com aparência resistente.
  • Depois, será a vez de adicionares o sumo de limão.
  • Lembra-te de bater novamente.
  • Por fim, despeja o conteúdo num recipiente, tapa-o com papel filme e coloca-o no frigorífico para que fique conservado.
Partilha com as tuas amigas:

Relacionados:

Comentários: