Fica atenta à cor do catarro, poderá revelar problemas graves de saúde como cancro!

pub

Quando o catarro apresenta alguma cor ou está muito grosso pode ser sinal de alergia, sinusite, pneumonia, alguma outra infecção nas vias respiratórias ou até cancro.

1434411092724

Por isso, quando o catarro não é uma secreção transparente e quase líquida, pode ser importante consultar um pneumologista para começar o tratamento o mais rápido possível, evitando o agravamento do problema, especialmente quando se tratar de pessoas acamadas, crianças pequenas ou idosos.

Dessa forma, sabendo o que pode significar cada cor de catarro é mais fácil perceber quando é indispensável procurar ajuda médica.

1. Catarro branco ou cinza

saiba-o-que-quer-dizer-cada-cor-de-catarro-1-640-427

Este tipo de catarro geralmente é sinal de uma inflamação das vias respiratórias superiores, mas também pode surgir durante uma gripe ou sinusite, quando os seios nasais ficam muito cheios e começam a drenar para a garganta.

Em casos mais raros, esta coloração também pode acontecer quando se come muitos lacticínios porque os derivados do leite tornam o catarro mais espesso, apresentando uma cor esbranquiçada quando é eliminado.

O que fazer: deve-se ingerir cerca de 2 litros de água por dia para ajudar a eliminar o catarro e, caso não surjam melhoras, deve-se consultar um clínico geral para iniciar o tratamento adequado do problema que está causando o catarro.

2. Catarro amarelo, laranja ou verde

saiba-o-que-quer-dizer-cada-cor-de-catarro-2-640-427

Estas cores normalmente surgem quando estão presentes neutrófilos nas vias aéreas, que são células de defesa do organismo que produzem uma proteína verde que é dissolvida no catarro. Desta forma, este tipo de catarro pode indicar um infecção das vias respiratórias ou dos seios nasais, como faringite ou pneumonia, por exemplo.

O que fazer: deve-se consultar um pneumologista ou um clínico geral para identificar qual o tipo de infecção que está causando o catarro e iniciar o tratamento com o antibiótico adequado.

3. Catarro castanho ou preto

saiba-o-que-quer-dizer-cada-cor-de-catarro-3-640-427

Fumadores e trabalhadores de locais com muita poluição, como minas ou pedreiros, geralmente apresentam catarro castanho ou preto, que acontece devido à presença de partículas como alcatrão ou resina. Além disso, o catarro castanho também pode surgir devido à ingestão de algumas comidas, como chocolate, café ou vinho tinto, por exemplo.

O que fazer: é recomendado evitar locais com muita poeira ou poluição, assim como deixar de fumar, caso esse seja o caso.

4. Catarro rosa

saiba-o-que-quer-dizer-cada-cor-de-catarro-4-640-427

Tossir catarro rosa é um indicador de líquido nos pulmões e, por isso, é muito comum comum em casos de problemas cardíacos, como insuficiência cardíaca, na qual o sangue se acumula à volta dos pulmão, provocando a entrada de líquido nos pulmões.

O que fazer: neste caso é importante consultar um pneumologista ou cardiologista geral para adequar o tratamento do problema que está a causarcatarro rosa, o que pode ser feito com a ingestão de remédios diuréticos, como a Furosemida, no caso de problemas cardíacos.

5. Catarro vermelho ou com sangue

saiba-o-que-quer-dizer-cada-cor-de-catarro-5-640-427

Quando surge sangue no catarro em pouca quantidade geralmente é sinal de bronquite, no entanto, quando existe muito sangue no catarro pode indicar problemas mais sérios como tuberculose, pneumonia ou cancro do pulmão.

O que fazer: deve-se consultar um pneumologista para fazer exames de diagnóstico como raio X para identificar o problema e iniciar o tratamento adequado.

O que pode indicar a consistência do catarro

O catarro normal e saudável geralmente tem uma consistência mais líquida e, por isso, é facilmente reabsorvido pelo organismo e não dificulta a respiração.

Porém, o catarro pode ficar mais espesso, especialmente devido a situações como:

  • Estar num ambiente muito seco, como numa divisão com ar condicionado;
  • Não beber água suficiente durante o dia;
  • Ter uma alergia respiratória a pólen ou poeira, por exemplo;
  • Tomar medicamentos que podem secar as secreções, como antidepressivos, anti-histamínicos ou descongestionantes.

Além disso, o catarro também fica mais espesso durante gripes ou constipações, por exemplo, mas qualquer outra infecção também pode ter esse resultado. Isso acontece porque o corpo tem mais trabalho para eliminar os vírus e bactérias e, por isso, precisa de mais água para funcionar, deixando o catarro mais seco.

Dessa forma, para eliminar o catarro espesso é muito importante beber cerca de 2 litros de água por dia e fazer nebulizações com água ou soro fisiológico, porque ajuda a fluidificar as secreções e facilita a sua eliminação.

Partilha com as tuas amigas:

Outras Dicas:

Comentários: