Mesmo que ele peça perdão de joelhos, um homem infiel nunca irá mudar

pub

A infidelidade do parceiro é uma coisa que a maioria de nós já teve que enfrentar na vida como casal.

Não importa qual dos dois deu o primeiro “passo” que não deveria dar, quem deu aquele olhar àquela pessoa que não deveria dar, quem se meteu com alguém quando não podia ou deveria, a carga emocional e psicológica de ter que enfrentar uma infidelidade descoberta nunca é absolutamente fácil.

Para todas as mulheres que viveram isso na própria pele, no entanto, dizemos o seguinte: um homem infiel, embora peça perdão de joelhos, dificilmente mudará.

O que é importante perguntar-se num relacionamento, caso seja descoberta a infidelidade, é o seguinte: temos a certeza de que o nosso parceiro ou marido não fará a mesma coisa novamente? Valerá a pena ficar com ele, apesar deste momento de fraqueza do passado? Infelizmente, a resposta é que, enquanto ele estiver livre para pular de uma cama para outra e depois voltar para casa e abraçá-la, porque com você ele se sente emocionalmente seguro, a situação nunca mudará.

Tenha a certeza: num contexto psicologicamente frágil como esse, o seu homem pode traí-la novamente, apesar de ter voltado para você com o rabo entre as pernas, implorando o seu perdão.

Nesses casos, não se deve ser pessimista, mas realista: um homem infiel poderá sempre ajoelhar-se, pedir desculpas com lágrimas nos olhos e jurar que isso nunca mais acontecerá. Um homem infiel sabe que o seu coração se tornou frágil, que os seus medos a motivam a continuar com ele e você sabe que ele usará todas as suas táticas de manipulação para envolvê-la, para fazer você acreditar que você é o seu maior amor e justificar as suas “aventuras”.

Um homem assim nunca mudará, tenha a certeza, assim como você deve ter certeza de que não é sua responsabilidade o que aconteceu.

Essa pessoa não merece a sua atenção, o seu carinho, o seu amor incondicional, todas aquelas vezes em que você lhe deu uma segunda oportunidade, porque tinha medo de o perder. Agora você aprendeu uma grande lição: para voltar a ser livre e feliz, você deve ser capaz de deixar ele ir embora.

Fonte: Psychology Today

Partilha com as tuas amigas:

pub

Comentários: